/ Resumo Biográfico

João Ferreira Dias é doutorado em Estudos Africanos pelo ISCTE-IUL, cuja tese, intitulada A África é aqui, no terreiro”: horizontes nostálgicos, sentidos da África e outros lugares no Candomblé (jeje-nagô) de Salvador e Uberaba, versou sobre a política da memória, a utilização do passado e a perda cultural nos terreiros de Candomblé. Os seus eixos de interesse centram-se na memória religiosa, nos sentimentos nostálgicos e perda cultural, na ortopraxia e padrões de pensamento no Candomblé jeje-nagô, na construção e identidade étnica e religiosa Yorùbá, e na estética ritual no Candomblé, género e música sacra. Interessa-se, ainda, pela definição de religião nos contextos africanos e afro-brasileiro, pelos desafios metodológicos do estudo daquelas religiões, e pelas mudanças no campo religioso português, adaptações rituais, Nova Era, religiosidade popular, diplomacia cultural e diálogo inter-religioso.

search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close